quarta-feira, 23 de junho de 2010

nissei I

ela nem sabe que me faz feliz
quando dança tão pouco imagina
que estou por um triz de dançar
quando ela dança
por onde ela anda não sei
dela nem sei quase nada
só sei que a cidade é grande demais
e eu reproduzo-a no centro da sala
ela emana ectoplasma
pasmo ela dança pra mim
pasmo ela dança em mim
minha língua cópula alma

1 comentários:

Suzana Martins disse...

Que belíssima dança em palavras e declarações!!

Beijos meu amigo!!^^

Postar um comentário