quarta-feira, 11 de maio de 2011

no amor é assim


vá ser feliz eu te deixo meus rastros
quem sabe um dia, resolva voltar
se ainda me tem resquicios de amor
cabe a reconstrução de juras partidas
nenhum mal é só teu
todo bem não é meu
nos ensina a vida
no amor é assim
quando se protege o fim
não se tem despedida

0 comentários:

Postar um comentário