domingo, 23 de dezembro de 2012

trago imposto



enquanto os principais  focos concessionários da comunicação
provierem dos engomados pé-lá-sacos da rede do ar marinho
conjuntamente com as outras que nem fedem nem cheiram
formando o disfarce picareta desta quadrilha corriqueira
os pares serão como tristes duvidosos ímpares do jogo
pela condução da partida por um partido sem graça
onde só um lado ri enquanto outros pífios correm
e lá vai, lá vai, lá vai... e lá vem, lá vem, lá vem
a triste cidade irônica da unanimidade caolha
nada tem pra acrescentar ao convívio social
além do seu manuseado áudio distorcido
em forma de vis torturantes afiliações
retrato macabro do abraço fúnebre
que esvazia veneno ao tempo
amordaça cata-ventos
e sem argumento
finda de resto
 sob medida
amarga
cálice
do
trago imposto

0 comentários:

Postar um comentário